Testes de DNA de 132 vítimas de acidente aéreo na China são concluídos

De acordo com oficiais do governo, todos já foram identificados

Créditos: Xinhua/Huang Xiaobang

Todas as 132 vítimas do acidente aéreo da China Eastern Airlines foram identificadas através de testes de DNA, anunciou um oficial em uma coletiva de imprensa nesta segunda-feira.

O presidente, Xi Jinping, e outros líderes participantes de uma reunião de alto nível do Partido Comunista da China (PCCh), na segunda-feira, fizeram um momento de silêncio para lamentar as vítimas da queda do avião.

O momento de silêncio, proposto por Xi, também secretário-geral do Comitê Central do PCCh e presidente da Comissão Militar Central, foi observado no início de uma reunião do Birô Político do Comitê Central do PCCh.

A aeronave do voo MU5735 da China Eastern Airlines caiu em uma área montanhosa no distrito de Tengxian, Região Autônoma da Etnia Zhuang de Guangxi, no sul da China, em 21 de março.

Todas as 132 pessoas a bordo morreram, segundo o comando nacional de resposta a emergências para o acidente. A investigação sobre a causa da queda está em andamento.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.