China suspende restrições de voos de carga nos aeroportos de Pequim

País mantém voos regulares de carga para 102 destinos

O órgão regulador da aviação civil da China suspendeu as restrições à operação de vôos de carga no Aeroporto Internacional de Pequim-Capital e no Aeroporto Internacional de Pequim-Daxing.

Anteriormente, apenas a China Postal Airlines podia operar nos dois aeroportos, enquanto outras linhas aéreas deveriam escolher apenas um dos locais.

O governo citou as crescentes necessidades de transporte de carga e a capacidade de movimentação dos dois terminais como fatores para justificar sua decisão de suspender as restrições.

Os dados mostram que a China mantém voos regulares de carga para 102 destinos no exterior em 49 países. Em abril, a média semanal de voos regulares de carga operados por companhias aéreas chinesas e estrangeiras era de 1.574.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.