China mantém posto de 2º maior importador mundial há 11 anos

País importou bens no valor de quase US$ 2 trilhões entre janeiro e setembro

A China tem sido o segundo maior importador do mundo há 11 anos consecutivos, divulgou  o Ministério do Comércio na última semana. No período de janeiro a setembro, a China importou bens no valor de quase US$ 2 trilhões, um salto anual de 32,6%, informou Shu Jueting, porta-voz da pasta, em uma coletiva de imprensa.

No primeiro semestre do ano, as importações de bens da China responderam por cerca de 12% do total mundial, e o país também contribuiu com 15% do aumento das importações durante o período, de acordo com Shu, citando dados da Organização Mundial do Comércio.

A China impulsionará consistentemente sua abertura de alto nível, expandirá as importações e transformará seu mercado em global, compartilhado e acessível a todos, observou Shu. O país melhorará continuamente a liberalização e facilitação do comércio e otimizará seu ambiente de negócios para promover a recuperação e o crescimento, acrescentou.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.