Algodão de Xinjiang ganha mais espaço no mercado mundial

Exportações de têxteis e de vestuário registaram crescimento de 65,6% no primeiro semestre

As exportações de têxteis e de vestuário da Região Autônoma Uigur de Xinjiang, no noroeste da China, registaram um crescimento anual de 65,6% entre janeiro e julho de 2021.

Nesta semana, foi inaugurada a Exposição Online de Mercadoria e Comércio Eurásia (EACT Expo) 2021, que se tornou uma das principais plataformas para promover a cooperação e trocas comerciais com o resto do mundo.

“A exposição deste ano construiu uma plataforma digital interconectada e compartilhada para empresas globais”, disse Mamtimin Hadir, prefeito interino de Urumq, de acordo com o jornal Diário do Povo.

Segundo dados, a produção de algodão de Xinjiang, a maior área de cultivo do país para a cultura, passou de 5,16 milhões de toneladas em 2020, representando 87,3% do total da China.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.