Turismo rural cresce entre viajantes chineses

Agência de viagens da China registrou crescimento de 50% nos meses de julho e agosto

A Lvmama.com, uma agência de viagens online bastante popular na China, divulgou que há um número crescente de turistas chineses que optaram por ir para vilarejos do próprio país durante as férias de verão. Segundo relatórios da agência, que tem sede em Xangai, o número de chineses que compraram pacotes rurais em julho e agosto teve um crescimento de 50% em termos anuais.

De acordo com a Lvmama, não foram apenas as viagens para áreas rurais que se tornaram mais frequentes, mas que também cresceu o número de pessoas que fizeram mais de três visitas a vilarejos campestres. Cerca de 70% dos viajantes domésticos escolheram localidades próximas a suas terras natais ou cidades onde residem.

Os relatórios da agência mostram que os pontos turísticos rurais estão se tornando lugares mais exclusivos, requintados e interativos. O chefe de relações públicas da Lvmama, Li Qiuyan, afirmou que o turismo rural está se desenvolvendo com grande ímpeto por causa da campanha de alívio da pobreza realizada pelo governo chinês.

Dados da Academia Chinesa de Turismo mostram que o mercado de turismo rural da China registrou 1,4 trilhão de yuans em vendas e 2,5 bilhões de visitantes em 2017. Li acredita que em 2018 esse mercado deverá continuar se expandindo.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.