São Paulo anuncia seleção de novos voluntários para testar vacina chinesa

Menor circulação do vírus no estado atrasou calendário dos testes


O governo de São Paulo anunciou que fará uma nova seleção de voluntários para testar a Coronavac, vacina desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac Biotech em parceria com o Instituto Butantan.

“A circulação do vírus diminuiu. Além disso, o público que tomou a vacina é formado por profissionais da área da saúde, que tradicionalmente se protegem mais”, explicou o secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn.

Os pesquisadores aguardam o momento em que 61 voluntários sejam infectados, para investigar se neles foi aplicada a vacina ou placebo, e assim concluir a eficácia do imunizante.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.