Zona piloto para inteligência artificial é lançada em Pequim

O objetivo da zona é o de transformar Pequim numa grande produtora de teorias e talentos relacionados a AI

Uma zona piloto que será usada para desenvolver a tecnologia de inteligência artificial (AI, em inglês) foi lançada em Pequim. Segundo informações da comissão municipal de ciência e tecnologia, a zona focará em explorar um sistema inovador para desenvolver a tecnologia de AI por meio da coordenação de esforços entre governo, universidades e a indústria. O seu objetivo é o de transformar Pequim em uma importante produtora de teorias, ideias e talentos relacionados à inteligência artificial.

A zona planeja lançar plataformas para a aplicação de AI e oferecerá informações para as autoridades deliberarem políticas e regras relacionadas a esse tipo de tecnologia que são favoráveis ao desenvolvimento saudável da indústria.

De acordo com o plano de desenvolvimento de AI da China que foi divulgado em 2017, a indústria de inteligência artificial servirá como um novo motor de crescimento econômico, além de ajudar a melhorar a vida das pessoas até 2020. Esse plano estabeleceu a meta de transformar a China num importante centro para inovação de AI e liderar o mundo em tecnologia e aplicação de AI até 2030.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.