Xinjiang celebra Festival Corban na China

Data representa um dos principais festivais muçulmanos na China

Os muçulmanos da Região Autônoma Uigur de Xinjiang, no noroeste da China, celebraram o Festival Corban, na terça-feira, também conhecido como Eid al-Adha ou Festa do Sacrifício, um dos principais festivais muçulmanos na China.

Durante o festival, residentes de todos os grupos étnicos em Xinjiang terão três dias de folga, e as autoridades locais garantem suprimentos suficientes nos mercados, disse Elijan Anayat, porta-voz do governo regional de Xinjiang, em uma entrevista coletiva na terça-feira.

Abuduxvker Rehamdulla, imame da mesquita Baida na capital regional Urumqi, organizou uma cerimônia de oração para os residentes muçulmanos que vivem nas proximidades.

“Em Xinjiang, crentes e não crentes compartilham o respeito mútuo e vivem em harmonia”, ele explicou, “os locais religiosos sempre estiveram abertos ao público, e as pessoas podem entrar e sair livremente”. Rehamdulla disse que não existe “restrição à liberdade religiosa” em Xinjiang.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.