Xangai lança nova gestão de áreas para conter propagação de Covid-19

Cidade foi divida de acordo com os casos relatados nos últimos 14 dias

Créditos: Xinhua/Ding Ting

Xangai dividiu toda a cidade em áreas pertencentes a três categorias como parte dos esforços direcionados para superar o ressurgimento local da Covid-19.

A metrópole designou 7.624 áreas de gestão fechada, 2.460 áreas de controle restritivo e 7.565 áreas de prevenção, revelaram as autoridades em coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira.

As áreas de gestão fechada referem-se a comunidades residenciais, aldeias, unidades de trabalho ou locais com infecções  relatadas nos últimos sete dias. As pessoas nessas áreas passarão por sete dias de gestão fechada mais sete dias de monitoramento de saúde em casa. Serviços porta-a-porta serão fornecidos quando necessário.

As áreas de controle restritivo são aquelas sem infecções relatadas nos últimos sete dias, dentro das quais as pessoas observarão sete dias de monitoramento de saúde em casa.

As pessoas que tenham necessidade urgente de ir ao hospital, entre outras emergências, nas duas áreas acima mencionadas, podem sair de suas respectivas áreas para esses fins, com seus movimentos sob gestão em circuito fechado.

As áreas sem infecções relatadas nos últimos 14 dias são rotuladas como áreas de prevenção, onde as pessoas podem, em princípio, circular dentro de seu respectivo subdistrito ou vila com restrições estritas na escala de aglomeração, mas são proibidas de entrar nos outros dois tipos de áreas.

A classificação de cada área pode ser ajustada em resposta a quaisquer mudanças na situação.

Xangai registrou, no domingo, 914 casos locais confirmados de Covid-19 e 25.173 infecções assintomáticas, segundo a Comissão Nacional de Saúde.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.