Vacina chinesa contra COVID-19 tem resultados promissores em idosos

Testes da Coronavac não apresentaram reações adversas no Brasil

A farmacêutica chinesa Sinovac liberou informações sobre as duas fases iniciais do estudo clínico de sua vacina contra o novo coronavírus.

De acordo com o executivo-chefe da companhia, Weidong Yin, houve “resultados promissores, especialmente em voluntários mais velhos”.

A terceira etapa de testes clínicos da chamada Coronavac, iniciada no Brasil em 21 de julho, também está apresentando respostas positivas. Em uma coletiva de imprensa realizada na quarta-feira, o governador de São Paulo, João Doria, afirmou que ainda não foram registradas reação adversa significativa nos voluntários.

“Os prognósticos são promissores e em breve teremos a vacina Coronavac para imunizar os brasileiros de São Paulo e de todo o país”, anunciou Doria.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.