Usuários de internet móvel da China gastam um quarto de tempo online em vídeos curtos

Número de pessoas adeptas ao formato chegou a mais de 870 mil em 2020

Os usuários de internet móvel da China gastam um quarto de seu tempo diário online usando aplicativos de vídeo curtos, revelou um relatório na terça-feira.

O número de pessoas que consomem o formato chegou a 873 milhões em 2020, aponta o estudo da Administração Nacional de Direitos Autorais, chamando os vídeos curtos de “terceira língua” na internet móvel após texto com imagem e voz.

O ano passado viu a indústria de direitos autorais da internet ultrapassar a marca de US$ 157 bilhões pela primeira vez na China, acrescenta o relatório.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.