Tibete recebe mais de 40 milhões de turistas em 2019

Segundo o presidente do governo regional, o Tibete continuará investindo no turismo em 2020, tendo o objetivo de atrair mais de 47 milhões de pessoas nesse ano

Casal em frente ao Palácio de Potala, na Região Autônoma do Tibete

A Região Autônoma do Tibete, no sudoeste chinês, recebeu mais de 40 milhões de turistas domésticos e estrangeiros durante o ano de 2019, o que representa um crescimento de 19% em relação ao ano anterior, pelo que informaram as autoridades locais na 3ª sessão da 11ª Assembleia Popular da Região Autônoma do Tibete. Qizhala, presidente do governo regional, disse que a receita do turismo chegou aos 56 bilhões de yuans (US$ 7,9 bilhões).

Qizhala afirmou que o Tibete continuará a desenvolver a sua indústria do turismo em 2020, com o objetivo de atrair mais de 47 milhões de turistas e aumentar a receita do setor para mais de 60 bilhões de yuans. “Vamos transformar o Tibete em um importante destino de turismo global e promover nossa marca de turismo do Terceiro Polo do mundo.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.