Tibete planeja passeios especiais para impulsionar turismo

Chamado de “Uma jornada aos lagos celestiais” o tour se estenderá por mais de 2,5 mil km

A Região Autônoma do Tibete, no sudoeste da China, está lançando um tour especial por lagos famosos na região norte, como forma de impulsionar o turismo nessa área pouco conhecida. Chamada de “Uma jornada aos lagos celestiais” a excursão terá duração de 5 dias e percorrerá 2,5 mil km ligando os lagos Tari Namtso, Dangra Yutso, Serling Tso e Namtso, além de passar por montanhas cobertas de neve, desertos, vilas e relíquias culturais localizadas em Nagqu e Ngari.

Localizados no planalto Qinghai-Tibete, os lagos se encontram em uma elevação acima de 4.500 m e são conhecidos por sua importância religiosa e por suas paisagens. O lago Serling Tso é o segundo maior lago de água salgada da China, e Namtso é o segundo maior lago da região e um dos três lagos sagrados do Tibete.

Com a melhoria das condições de locomoção nos últimos anos, o número de turistas interessados por passeios no Tibete cresceu. Porém, por um frágil ambiente ecológico e por falta de uma infraestrutura de apoio, a região norte é menos desenvolvida no turismo do que a região sul. Qu Feng, chefe da associação para o turismo especial na região, acredita que com base no desenvolvimento de passeios especiais e da preservação ambiental, o turismo tem chance de prosperar na área.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.