Testes da vacina chinesa contra COVID-19 são ampliados para novas cidades no Brasil

Quatro mil voluntários das cidades de Barretos (SP), Pelotas (RS), Campo Grande (MS) e Cuiabá (MT) poderão participar dos estudos

O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, comunicou que a terceira etapa dos testes da vacina chinesa contra o novo coronavírus foi ampliada para mais quatro mil voluntários e quatro cidades brasileiras.

A vacina, desenvolvida pela farmacêutica Sinovac, passará a ser testada em profissionais da saúde das cidades de Barretos (SP), Pelotas (RS), Campo Grande (MS) e Cuiabá (MT).

Em coletiva de imprensa realizada na última sexta-feira, Covas também informou que a Sinovac liberou o acesso à fábrica na China para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a partir de 20 de outubro, com o intuito de facilitar o processo de aprovação do imunizante no Brasil.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.