Telescópio FAST da China detecta gigantesca estrutura de gás atômico

Resultados ajudam na compreensão sobre a evolução dos gases no universo

Xinhua/Ou Dongqu

O “Olho do Céu da China”, também conhecido como Radiotelescópio Esférico de Abertura de Quinhentos Metros (FAST), detectou uma gigantesca estrutura de gás atômico nas vizinhanças de um grupo de galáxias.

A descoberta ocorreu quando o radiotelescópio mais sensível do mundo “lançou seu olhar” no Quinteto de Stephan, um agrupamento visual de cinco galáxias, das quais quatro formam um grupo compacto de galáxias.

A escala linear da estrutura de gases atômicos de hidrogênio atinge cerca de dois milhões de anos-luz ou 0,6 megaparsec, a maior do tipo já descoberta no universo, de acordo com o estudo publicado na quarta-feira na revista Nature.

Os resultados forneceram novas informações, aprimorando nossa compreensão da evolução dos gases no universo. No entanto, ainda não está claro como esse gás de hidrogênio de baixa densidade pode sobreviver à ionização pelo fundo ultravioleta intergaláctico em uma escala de tempo tão longa, de acordo com o estudo.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.