São Paulo recebe mais 2 milhões de doses da CoronaVac

Instituto Butantan já tem 3,12 milhões de unidades disponíveis

Foto: Governo do Estado de SP

Duas milhões de doses prontas da CoronaVac chegaram em São Paulo na última sexta-feira. Com o terceiro lote, o estado acumula 3,12 milhões de unidades da vacina desenvolvida pela Sinovac. 

O carregamento faz parte do acordo entre a fabricante chinesa e o Instituto Butantan. Até o começo de janeiro, São Paulo receberá 6 milhões de doses prontas e insumos suficientes para produzir 40 milhões de unidades.

O diretor do Butantan, Dimas Covas, anunciou na última quinta-feira que o instituto cogita começar a vacinação dia 15 de janeiro, dez dias antes do que foi divulgado anteriormente.

O imunizante só poderá ser distribuído após aval da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Na última semana, o governador de São Paulo, João Doria, comunicou que o Butantan vai pedir o registro da CoronaVac à agência no dia 23 de dezembro, após concluir os estudos sobre a terceira e última fase dos testes.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.