Rússia cooperará com China na produção da vacina Sputnik V

Acordos possibilitarão a fabricação de mais de 260 milhões de doses do imunizante

O Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF, na sigla em inglês) informou que foi fechado um acordo com três empresas biofarmacêutica na China para a produção de mais de 260 milhões de doses da vacina Sputnik V, contra o coronavírus.

Os contratos foram assinados entre março e abril com as chinesas Shenzhen Yuanxing Gene-tech Co., Ltd., TopRidge Pharma e Hualan Biological Engineering Inc. A novidade será suficiente para vacinar integralmente mais de 130 milhões de pessoas em todo o mundo, segundo a RDIF.

“A China é um dos principais centros de produção da Sputnik V e estamos prontos para aumentar o escopo da parceria com os produtores locais para atender à crescente demanda pela vacina russa”, afirmou Kirill Dmitriev, CEO da RDIF.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.