Quebra-gelo que realizou expedição no Ártico retorna a Xangai

O quebra-gelo percorreu mais de 12.500 milhas marinhas em sua jornada, sendo 3.815 delas através do gelo

O quebra-gelo chinês de pesquisa Xuelong, que também é conhecido como Dragão de Neve, retornou nessa semana a uma base em Xangai depois de concluir a 9ª expedição de pesquisa do Ártico. Ele foi responsável por levar uma equipe de pesquisa e viajou mais de 12.500 milhas náuticas, incluindo 3.815 através do gelo, por 69 dias.

Os cientistas e pesquisadores realizaram uma série de pesquisas de ambiente marinho, topografia submarina, ecologia, pesca, gelo marinho e rotas marítimas em áreas como o Mar Bering, o Mar Chukchi, a Bacia do Canadá e o Oceano Ártico central.

A equipe de expedição também instalou a primeira estação de gelo não tripulada de fabricação nacional e outros equipamentos de observação não tripulada, como planadores submarinos que permitem à China ampliar sua pesquisa do Oceano Ártico no inverno, de acordo com Zhu Jiangang, líder da equipe.


Fonte: Xinhua

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.