Porta-voz lamenta visitas de políticos japoneses a Taiwan

Membro do Departamento dos Assuntos de Taiwan do Conselho de Estado comentou sobre visita de Keiji Furuya, um legislador do Japão

Foto tirada em 21 de julho de 2019 na montanha Xiangshan mostra o arranha-céu Taipei 101 em Taipei, Taiwan, sudeste da China. (Xinhua/Zhu Xiang)

Créditos: Xinhua/Zhu Xiang

Um porta-voz chinês da parte continental da China expressou nesta terça-feira firme oposição às visitas de certos políticos e legisladores japoneses à região de Taiwan dizendo que os movimentos ocorrem para seus ganhos políticos egoístas.

Ma Xiaoguang, porta-voz do Departamento dos Assuntos de Taiwan do Conselho de Estado, fez as observações em resposta a uma pergunta da mídia sobre a visita de Keiji Furuya, um legislador do Japão, a Taiwan.

Ma exortou essas pessoas do lado japonês a tirarem lições da história e reconhecerem plenamente a sensibilidade da questão de Taiwan e o fato de que existe apenas uma China no mundo e que Taiwan é parte da China.

Eles devem respeitar o princípio de Uma Só China e o espírito dos quatro documentos políticos China-Japão com ações concretas e serem cautelosos sobre suas palavras e ações sobre questões relacionadas a Taiwan, acrescentou Ma.

Ele alertou as autoridades do Partido Progressista Democrata de Taiwan que o conluio com forças externas para buscar a “independência de Taiwan” está fadado ao fracasso.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.