Porta-voz chinês afirma que pressão dos EUA pode ser contraprodutiva

Geng Shuang ressaltou que a China tem uma posição clara nos assuntos econômicos e comerciais e que ela não mudou

A ameaça e a pressão que estão sendo feitas pelos EUA a respeito da imposição de mais tarifas podem ser contraprodutivas, afirmou o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Geng Shuang. Declaração diz respeito à notícia de que a administração de Trump pretende impor uma tarifa de 25% sobre uma lista de US$ 200 bilhões de produtos chineses, como forma de penalidade ante os 10% propostos anteriormente.

Geng disse que a posição da China nos assuntos econômicos e comerciais é firme e clara e que ela não mudou, afirmando que a pressão e a chantagem feitas pelos Estados Unidos não funcionarão. “Se os EUA fizerem um maior agravamento, a China conterá a ameaça e defenderá seus direitos e interesses legítimos com resolução”, acrescentou o porta-voz.

O governo chinês sempre defendeu o uso do diálogo e da consulta para tratar disputas comerciais entre a China e os EUA, afirmou Geng, dizendo que para a comunidade internacional, os esforços feitos pelo país asiático e a sua sinceridade estão muito claros. Ele concluiu dizendo que o diálogo deve ter como base o respeito mútuo, igualdade, regras e crédito e que as pressões podem ser apenas contraprodutivas.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.