Pesquisadores chineses descobrem mudanças climáticas no antigo platô Qinghai-Tibet

Por causa de mudança topográfica há 44 milhões de anos, área que um dia foi um deserto se transformou em floresta.

Uma equipe de pesquisadores chineses descobriu que a região sudeste do platô Qinghai-Tibet sofreu grandes mudanças climáticas e de vegetação ao longo do tempo.

Por causa de uma mudança topográfica que ocorreu há 44 milhões de anos, a área que um dia foi um deserto quente, seco e baixo, se transformou em floresta.

A pesquisa mostrou que a altitude da área subiu rapidamente de 700 para 3.800 metros acima do nível do mar, resultado da movimentação de uma placa tectônica.

À medida que o subcontinente indiano afundava e se inclinava para o norte, o terreno aumentava e as monções podiam trazer chuva para a área, fazendo com que seu clima se tornasse mais úmido e mais frio.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.