Pesquisa da Universidade de Macau traz esperança para risco de infecção fúngica

Equipe avançou na compreensão da biologia dos esporos

Créditos: Reprodução/Universidade de Macau

Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Macau (UM) avançou na compreensão da biologia dos esporos fúngicos, o que pode ajudar a proteger as pessoas imunocomprometidas de infecções mortais causadas por patógenos do reino.

A equipe, liderada pelo prof. Wong Koon Ho na Faculdade de Ciências da Saúde da UM, descobriu o mecanismo de dormência dos esporos, que são o principal agente infeccioso e que podem causar infecções mortais em humanos.

Esporos fúngicos são os “bebês” dos fungos e podem ser encontrados em todos os lugares no ambiente natural, de acordo com o estudo. Dispersos no ar, eles podem sobreviver a várias condições ambientais e permanecerem dormentes por muito tempo até que condições favoráveis sejam encontradas.

 

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.