Parques nacionais da China têm melhora em seu ambiente ecológico

Graças aos esforços governamentais para a proteção dessas áreas, os parques-piloto apresentaram crescimento estável da população de animais selvagens

O ambiente ecológico nas áreas-piloto de parques nacionais da China teve uma melhora registrada pela Administração Nacional de Recursos Florestais e Pastos, como resultado do fortalecimento dos esforços para a proteção dessas áreas. Os parques-piloto nacionais, como Sanjiangyuan e Shenongjia tiveram um crescimento estável da população de animais selvagens, visto que foram construídas plataformas de monitoramento de recursos naturais, segundo Tian Yongchen, funcionário da administração.

Até agora, estão em andamento projetos-piloto para dez parques nacionais, cobrindo uma área de 220 mil km² em 12 províncias chinesas. Tian disse também que o país tomou uma série de medidas para governança ecológica nas áreas-piloro desses parques, como construir corredores ecológicos, remover espécies vindas de fora e restaurar montanhas sem cobertura florestal.

A administração conjunta de comunidade teve promoção eficiente, com a migração ecológica e residentes locais encorajados a participar da proteção de parques-piloto nacionais. A China irá acelerar o processo legislativo de parques nacionais para esclarecer padrões e dar prioridade ao estabelecimento de parques nacionais nas regiões elegíveis, pelo que ele disse.

Ao mesmo tempo, será organizada uma terceira parte da avaliação nos projetos-piloto para realizar o potencial de parques nacionais e apoiar a pesquisa científica, educação, recreação e desenvolvimento da comunidade. A China planeja concluir os projetos-piloto e estabelecer oficialmente um grupo de parques nacionais em 2020, segundo a administração.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.