Parque nacional na China tem mais filhotes de tigres e leopardos

Pelo menos 23 filhotes das espécies nasceram desde 2017

O projeto do parque nacional piloto da China para tigres siberianos e leopardos-amur, em risco de extinção, tem dado frutos, com populações de vida selvagem em ascensão.

Pelo menos 12 filhotes de tigre siberiano e 11 de leopardo-amur nasceram desde 2017, quando o projeto piloto foi lançado nas províncias de Jilin e Heilongjiang, de acordo com o departamento de gerenciamento do local.

Populações de outros animais silvestres, como veados manchados e javalis, também estão em ascensão, sugerindo uma melhoria do ambiente ecológico no parque, que abrange 1,46 milhão de hectares.

As autoridades locais enviam regularmente guardas florestais para patrulhar o parque e a área vizinha e limpar armadilhas montadas por caçadores furtivos.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.