Pandas gigantes saem da lista de animais ameaçados de extinção

Espécie possui mais de 1,8 mil representantes na natureza

Os pandas gigantes estão oficialmente fora da lista de animais ameaçados de extinção, anunciaram as autoridades chinesas na última semana. Com mais de 1,8 mil representantes na natureza atualmente, a espécie passou a ser considerada como vulnerável.

“A China estabeleceu um sistema de reservas naturais relativamente complexo”, afirmou Cui Shuhong, diretor do Departamento de Proteção Ecológica Natural do Ministério de Ecologia e Meio Ambiente. “Grandes áreas foram completamente protegidas e a vida selvagem foi melhorando efetivamente”, ele explicou.

Os pandas gigantes são uma espécie difícil de se reproduzir, porque as fêmeas têm um período fértil entre 24 e 72 horas por ano. Desde a década de 1970, a China tem trabalhado para aumentar os números da espécie, criando habitats pensados para o bem-estar dos animais.

Durante uma coletiva de imprensa, Cui ainda afirmou que outras espécies raras e em risco de extinção estão crescendo gradualmente, incluindo tigres siberianos, leopardos de Amur, elefantes asiáticos e íbis-de-crista.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.