Novo surto de doenças respiratórias desafia sistemas de saúde nos EUA

Falta de colaboradores em hospitais se tornou um obstáculo maior que o número de leitos no país

De acordo com a CNN, o novo surto de RSV (vírus sincicial respiratório, na sigla em inglês) destaca questões sistemáticas de instituições de saúde nos EUA. Pacientes estão esperando em salas de socorro, e até em barracas. Em Rhode Island, por exemplo, 99% de leitos estão ocupados.

A questão mais complicada é a escassez de colaboradores, especialmente de enfermeiros. O desafio para tratar casos de doenças crônicas no país não será resolvido de forma fácil. Hospitais estadunidenses procuram soluções para esse tema há muito anos.

O fenômeno de hospitais pediátricos ocupados é apenas um exemplo de um problema maior, disse Katie Boston-Leary, diretora de Programas de Enfermagem da Associação Americana de Enfermeiros.

Segundo uma pesquisa do HHS, a pandemia de Covid-19 exacerbou a falta de colaboradores em toda a indústria da saúde, com pessoas saindo por causa de trauma e exaustão. Enquanto isso, o estresse e o burnout já são “problemas significativos” antes de 2020. “Temos uma crise de colaboradores em enfermeiros”, adicionou ela.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.