Novo método é descoberto para sondar diferenças entre matéria e antimatéria

Projeto foi desenvolvido pela Colaboração Internacional do Espectrômetro de Pequim

Créditos: Xinhua/Guo Zhongzheng

A Colaboração Internacional do Espectrômetro de Pequim (BESIII) explorou um novo método para sondar as diferenças entre matéria e antimatéria com extrema sensibilidade, de acordo com a Academia Chinesa de Ciências (CAS).

Os últimos resultados do BESIII mostram que os bárions e antibarons produzidos têm uma direção preferida, devido ao emaranhado quântico, disse a CAS. Os resultados foram publicados na revista Nature.

O novo método fornece uma perspectiva para sondar a assimetria da matéria e da antimatéria, de acordo com Wang Yifang, diretor do Instituto de Física de Alta Energia, subordinado à CAS.

O BESIII é uma grande instalação experimental desenvolvida pela China para experimentos com detectores de partículas. Fundada em 2008, a BESIII International Collaboration tem cerca de 500 membros de cerca de 80 instituições de todo o mundo.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.