Museu marítimo da China será aberto ao público ainda em 2019

A construção do museu, que é o primeiro museu marítimo do país, já entrou na sua reta final

A construção do primeiro museu marítimo da China já entrou em sua reta final, de acordo com as autoridades locais, que disseram ainda que ele deverá ser aberto ao público ainda este ano. Localizado na Área Nova de Binhai, no município de Tianjin, o museu cobrirá uma área de 150 mil m², três andares (com um andar extra em algumas partes) e terá entrada franca.

Os 23 mil m² de exibição, que serão divididos em seis espaços, cobrem um grande conjunto de temas, entre eles história e culturas marinhas; meio ambiente e ecologia marítimos; educação científica e programas interativos. O museu também contará com lojas, restaurantes, cafés e cinemas.

A expectativa é que o museu se torne um centro de fortalecimento da conscientização pública sobre a proteção do mar, pesquisas marítimas e promoção da cultura marinha.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.