Mercado STAR, da China, injeta impulso na inovação científica e tecnológica

Valor foi superior a 5,5 trilhões de yuans, na quinta-feira (21)

Créditos: Xinhua/Liang Xu

A divisão de bolsa chinesa para inovação de ciência e tecnologia no estilo Nasdaq, conhecida como mercado STAR, continuou a facilitar a transformação inovadora da economia chinesa.

Sexta-feira marca o terceiro aniversário da divisão. Nos últimos três anos, 439 empresas foram listadas no mercado STAR, levantando mais de 640 bilhões de yuans (US$ 95 bilhões) através de ofertas públicas iniciais, mostraram dados da Bolsa de Valores de Xangai.

Até quinta-feira, o valor total do mercado é superior a 5,5 trilhões de yuans, com as empresas de alta tecnologia representando 90% do total das empresas listadas.

Empresas de ciência e tecnologia listadas no STAR registraram desempenho estelar graças ao impulso proporcionado pela tecnologia. No primeiro trimestre deste ano, as empresas do mercado STAR viram seu lucro líquido atribuível aos acionistas da matriz subir 62% ano a ano.

À medida que a China continuou a aprofundar sua abertura de alto nível do mercado de capitais, o STAR tornou-se cada vez mais atraente para o investimento estrangeiro. Até agora este ano, as transações feitas por investidores institucionais estrangeiros no mercado representaram 9% do total, um aumento de 7 pontos percentuais em relação a 2020.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.