Mercado chinês de entrega de alimentos online dobra em 2018

Segundo relatório, foram feiras cerca de 10,96 bilhões de encomendas online e esse mercado atingiu um total de 441,5 bilhões de yuans

O mercado de encomenda e entrega de alimentos online da China atingiu, em 2018, um total de 441,5 bilhões de yuans (US$ 65,8 bilhões), tendo um aumento anual de 112,5%, segundo relatório divulgado pela Analysys, uma provedora de serviços de análise de dados da internet. O número de encomendas online de refeições, lanches, vegetais, frutas e bebidas chegou a 10,96 bilhões, tendo quase dobrado, em relação às feitas no ano anterior.

O relatório ainda previu que esse mercado deverá continuar crescendo pelos próximos três anos, chegando a 934 bilhões de yuans em 2021. Ele ainda informa que as maiores participantes dessa indústria em 2018 foram a Ele.me e a Meituan, e que a empresa de serviços de carona paga Didi também entrou no mercado. Os usuários ativos mensais dos apps continuaram crescendo no ano passado, com o seu total ultrapassando os 102,8 milhões no mês de dezembro.

O relatório foi feito com dados obtidos por meio de entrevistas, coleta de informações públicas e dados de monitoramento em aplicativos.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.