Medicamento chinês contra Covid-19 é testado nos EUA

O fármaco foi aprovado para passar pela primeira fase de testes clínicos

Um remédio chinês para tratar Covid-19 está passando por testes clínicos nos Estados Unidos depois de receber aprovação da Food and Drug Administration (FDA) do país, informou o Instituto de Matéria Médica de Xangai da Academia Chinesa de Ciências (CAS), desenvolvedor do fármaco.

As licenças de pesquisa clínica para a droga, de código DC402234, foram solicitadas na Administração Nacional de Produtos Médicos da China e na FDA em julho de 2020.

A primeira fase dos testes clínicos começou na segunda-feira, em um centro de pesquisa em Nova Jersey, de acordo com o instituto.

O remédio é um novo composto projetado e sintetizado com base na estrutura cristalina da protease principal do coronavírus, uma enzima que desempenha um papel fundamental na replicação e transcrição do vírus. Estudos pré-clínicos mostraram que o complexo teve potente atividade inibitória contra a protease, além de boa atividade antiviral na cultura celular.

O instituto também afirmou que o fármaco possui boas propriedades farmacocinéticas – como a droga é absorvida e se move no corpo, e sua segurança em testes em animais.

Os resultados foram divulgados no artigo “Projeto baseado em estrutura de candidatos a medicamentos antivirais visando a principal protease do Sars-CoV-2”, publicado como matéria de capa da revista Science em junho de 2020.

O medicamento patenteado foi desenvolvido por pesquisadores da Universidade ShanghaiTech e do Instituto de Virologia de Wuhan, sob a CAS.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.