Mais de 80% dos estudantes da China voltam para casa depois de estudar no exterior

Dados foram revelados pelo Ministério da Educação do país

Luo Meng/Xinhua

Mais de 80% dos estudantes chineses retornaram à China depois de terminarem seus estudos no exterior desde 2012, informou o Ministério da Educação (MOE) na terça-feira.

O ano acadêmico de 2020-2021 teve alunos internacionais de 195 países e regiões estudando na China, um aumento de 35% em relação a 2012, revelou o ministério.

A China assinou acordos de reconhecimento mútuo de qualificações e graus acadêmicos com 58 países e regiões e estabeleceu Institutos Confúcio e Salas de Aula Confúcio em cooperação com 159 países e regiões.

A cooperação internacional em educação também foi realizada em locais designados na China, em parceria com organizações internacionais e no âmbito de mecanismos multilaterais, acrescentou o ministério.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.