Macau sedia 11ª Semana Cultural da China e dos Países de Língua Portuguesa

O evento conta com a participação de artistas da China continental, de Macau e de diversos países de língua portuguesa, como Angola, Brasil e Portugal

A 11ª Semana Cultural da China e dos Países de Língua Portuguesa, organizada pelo Secretariado Permanente do Fórum de Macau, está sendo realizada de 12 a 18 de outubro em Macau e atraindo artistas da parte continental da China, Macau e países de língua portuguesa como Angola, Brasil, Portugal, entre outros. A cerimônia de abertura na Doca dos Pescadores contou com a presença do secretário-geral do Gabinete de Ligação do Governo Popular Central na RAEM, Wang Xindong; da secretária-geral do Secretariado Permanente do Fórum de Macau, Xu Yingzhen; e dos representantes dos países de língua portuguesa em Macau.

Xu Yingzhen ressaltou em seu discurso que a Semana Cultural atribui uma resposta ativa à cooperação econômica e comercial entre a China e os países de língua portuguesa, fomentando, de forma efetiva, o intercâmbio humano e o entendimento entre os povos. O Secretariado Permanente vai continuar a explorar novos modelos para promover o intercâmbio cultural entre a China e os países de língua portuguesa, procurar novos canais com o intuito de fomentar o intercâmbio e aprofundar uma cooperação mais abrangente entre o interior da China, Macau e os países de língua portuguesa.

Depois da cerimônia de abertura, um grupo artístico da Província de Hebei, no norte da China, apresentou um espetáculo de música e dança com características folclóricas.

Durante o evento, também há outras atividades no Largo do Senado, na Galeria da Residência Consular de Portugal em Macau e no Edifício do Antigo Tribunal, abrangendo músicas e danças, obras de artes plásticas, peças de teatro, artesanatos e gastronomia apresentados pelos grupos artísticos e artistas plásticos, chefes de cozinha, artesãos e artistas de teatro, convidados dos países e territórios de língua portuguesa, incluindo Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, Timor-Leste, São Tomé e Príncipe, Goa, Damão e Diu, bem como da parte continental da China e de Macau.

Lançada em 2008, a Semana Cultural tem promovido a reunião dos povos da China, Macau e dos países de língua portuguesa, com o objetivo de compartilhar as diferentes culturas, bem como desempenhar de forma ativa o papel de Macau como a plataforma de intercâmbio cultural entre a China e o mundo lusófono.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.