Macau deverá ultrapassar Catar como lugar mais rico do mundo

Previsões do FMI dizem que até 2020 a região chinesa polo de cassinos terá PIB per capita de US$ 143.116

Macau pode se tornar em breve tornar o lugar mais rico do mundo, desbancando o Catar, atual detentor do título. De acordo com projeções do Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia do lugar, que é um polo global de cassinos, deve ser o equivalente a US$ 143.116 por pessoa até o ano de 2020, enquanto Catar, no mesmo período, deverá atingir “apenas” US$ 139.151.

Desde que voltou a fazer parte da China, há quase 20 anos, Macau é o único lugar do país onde cassinos são legais, o que a torna atraente para apostadores de toda a parte continental chinesa. O seu Produto Interno Bruto (PIB), mais do que triplicou em relação aos US$ 34,5 mil per capita de 2001.

A previsão ainda é que após 2020, a diferença de riqueza entre os dois lugares aumente, pois de acordo com o banco de dados Perspectivas da Economia Mundial do FMI, o crescimento de Macau deverá ser maior, chegando a US$ 172.681 até 2023, enquanto o de Catar deverá chegar a US$ 158.117.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.