Livro chinês é escolhido como o “mais bonito do mundo”

Os designers responsáveis pelo livro usaram papel de embalagem alimentar no lugar de papel comum impresso

O livro chinês “Comércio Antigo de Jiangsu: Uma Olhada”, publicado pela Editora de Educação Fênix de Jiangsu, recebeu o título de “livro mais bonito do mundo” em concurso realizado pela fundação Stiftung Buchkunst, que concede o prêmio de “Melhor Design de Livro do Mundo 2019” desde 1991.

Os designers responsáveis pelo livro não usaram papel tradicional, mas sim uma espécie de papel barato, que costumava ser usado para embalar refeições em antigos estabelecimentos. O livro tem como foco os artesãos de atividades que estão em extinção..

O livro já havia sido eleito “o livro mais bonito da China” em novembro, ao lado de outros 24 livros de 20 editoras do país. Os 25 livros participaram da competição mundial, que aconteceu entre 7 e 9 de fevereiro. Os 14 escolhidos com os com melhores designs do mundo por um júri internacional estarão disponíveis para os leitores na Feira do Livro de Leipzig, em março, e na Feira do Livro de Frankfurt, em outubro.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.