Jovens e adultos chineses são mais otimistas a respeito do futuro

Em pesquisa realizada pela Ipsos em diversos países, os chineses foram os que mostraram mais otimismo em relação ao seu país e o mundo

Os adultos e jovens chineses são mais otimistas do que as pessoas de diversos outros países, de acordo com um novo estudo feito pelo Instituto Ipsos para a Fundação Bill e Melinda Gates. A empresa especializada em pesquisas realizou 40.506 entrevistas com pessoas de diferentes países, como Alemanha, Austrália, Brasil, China, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha, Índia, México e Rússia.

De acordo com o estudo, os adultos e jovens chineses são os mais otimistas em relação ao futuro do seu país, sendo que 88% dos adultos e 94% dos jovens afirmaram acreditar que o futuro do país trará coisas boas. Quando perguntados a respeito do futuro do mundo, eles também mostraram um otimismo relativo, com 85% dos adultos e 90% dos jovens.

A pesquisa ainda mostrou que 78% dos adultos e 89% dos jovens chineses acham que a sua geração terá um impacto mais positivo no mundo do que a de seus pais. Quando perguntados se acham que a sua geração é melhor que a de seus pais, 84% dos adultos e 92% dos jovens disseram que sim.

No Brasil, 84% dos entrevistados afirmam estar otimistas com o próprio futuro, porém quando o assunto muda para o futuro do país ou do mundo, a situação muda, sendo que 52% mostram algum otimismo com o futuro nacional e 60%, em relação ao futuro do mundo.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.