Hospitais de Wuhan atendem mais de 15 mil pacientes com febre por dia

Apesar de esse aumento do número de paciente ter gerado longas filas, os hospitais estão sendo equipados com clínicas de febre para melhorar a situação

Foi registrado um aumento no número de pessoas com febre nos hospitais de Wuhan, cidade no centro da China onde o surto do novo coronavírus 2019-nCoV se originou. O número de pacientes diários nos horários de pico já ultrapassou os 15 mil, de acordo com Ma Guoqiang, secretário do partido da cidade, sendo que nos últimos anos, a média diária dos pacientes com febre nesse período na cidade era de 3 mil. Esse aumento fez com que fossem formadas longas filas de espera em alguns dos centros de saúde de Wuhan. “Atualmente, 62 hospitais em Wuhan estão equipados com clínicas de febre e a situação está melhorando”, acrescentou ele.

Hu Ke, médico respiratório do Hospital Popular da Província de Hubei, disse que o número de pacientes dispensados também aumentará à medida que o diagnóstico e o tratamento da doença forem melhorados. Ele explicou que o ciclo de tratamento da pneumonia viral é de aproximadamente duas ou três semanas. Para garantir que os pacientes que foram curados por pneumonia causada pelo novo coronavírus não sejam infecciosos, eles devem passar por dois testes de vírus e atender a outros padrões antes de voltar para casa.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.