Hong Kong terá centro de pesquisa de transplante de flora intestinal

Primeiro centro sobre o tema da Ásia, ele está sendo criado pela Faculdade de Medicina da Universidade Chinesa de Hong Kong

Primeiro centro de pesquisa de transplante de flora intestinal (microbiota) da Ásia foi criado pela Faculdade de Medicina da Universidade Chinesa de Hong Kong (CUHK). O centro buscará descobrir o papel da flora intestinal na saúde humana e criar novas estratégias para a prevenção e cura de doenças.

De acordo com o reitor da faculdade, Francis Chan, as evidências encontradas recentemente sugerem que o desequilíbrio na flora intestinal pode acarretar em muitas doenças humanas. Ele ainda acrescentou que embora as terapias que se baseiam na microbiota pareçam favoráveis, a ciência por trás dela ainda está dando os seus primeiros passos.

Chan ressaltou o pioneirismo da Faculdade de Medicina da CUHK na pesquisa da flora intestinal e que, com a criação do centro, as pesquisas em transplante poderão ser expandidas para outras condições, como obesidade e síndrome metabólica, por exemplo.

A Faculdade estabeleceu em 2016 um biobanco de flora intestinal com o objetivo de fornecer uma solução de microbiota congelada de qualidade garantida para o transplante. O professor Paul Kay Sheung Chan, diretor do Departamento de Microbiologia da faculdade, afirmou que os elementos-chave do biobanco são a segurança, a preservação de viabilidade.

Ele ainda afirmou que mais de 80 transplantes de flora foram possibilitados graças a esse banco: “Com esse método, não só salvamos a vida de muitos pacientes com doenças gastrointestinais, como também avançamos nosso conhecimento sobre essa nova opção de tratamento”.


Fonte: Xinhua

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.