Hackers americanos são acusados de invasão para culpar a China pela pandemia

Informações foram divulgadas pela empresa de dados Morning Star

Espiões dos EUA supostamente hackearam bancos de dados chineses como parte da tentativa “cada vez mais desesperada” de Washington de culpar Pequim pelo surto da pandemia global de coronavírus, informou um relatório da empresa de dados Morning Star.

A publicação citou a CNN dizendo que as agências de inteligência dos Estados Unidos estão vasculhando um “tesouro” de dados genéticos, que contém projetos extraídos de amostras de vírus estudadas em um laboratório em Wuhan, na China.

De acordo com o canal de televisão, não está claro como os serviços de inteligência acessaram as informações, que normalmente são mantidas em computadores conectados a servidores baseados em nuvem, “deixando em aberto a possibilidade de terem sido hackeados”.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.