Guangzhou investe mais NEVs para transporte público

Atualmente a cidade chinesa tem uma frota de mais de 10 mil ônibus elétricos e 4 mil estações de recarga

Guangzhou, capital da província chinesa de Guangdong, possui atualmente uma frota com mais de 10 mil ônibus elétricos, uma das maiores do país de acordo com o prefeito Wen Guohui. Os ônibus elétricos começaram a ser utilizados pela cidade apenas em 2017, e de lá para cá, também foram criadas 4 mil estações de recarga para atender a essa frota.

No Fórum Global de prefeitos, Wen disse que os ônibus elétricos são eficientes em energia e mais confortáveis, aparecendo como uma opção efetiva para reduzir a poluição do sistema de transporte urbano. Com um total de 10.486 unidades, esses ônibus evitam a emissão de 20 mil ton de óxido de nitrogênio (gás produzido por veículos movidos a gasolina) por ano.

A cidade adotou várias políticas para incentivar o uso de veículos de nova energia (NEVs, na sigla em inglês), como financiamento verde, retribuição por emissões reduzidas, subsídios para compradores e o desenvolvimento comercial dos terminais de ônibus, de acordo com informações passadas por Wen. Táxis, veículos oficiais, de saúde, correios e logística também passarão a usar NEVs em breve, sendo que a meta de Guangzhou é ter 200 mil unidades e 100 mil estações de recarga até o fim de 2020.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.