Grupo Alibaba é multado por monopolização do mercado

Após resultado das investigações, companhia deverá pagar US$ 2,8 bilhões

Após uma investigação antimonopólio, reguladores chineses impuseram uma multa de US$ 2,8 bilhões ao grupo Alibaba, o que equivale a 4% das vendas domésticas da companhia em 2019.

A Administração Estatal de Regulamentação do Mercado da China iniciou em dezembro de 2020 a apuração contra o gigante do comércio eletrônico.

As conclusões foram que o grupo dificultou o varejo online na China, afetou a inovação na economia da Internet, feriu os direitos legais dos comerciantes e prejudicou os interesses dos consumidores.

A decisão destacou a prática da empresa de forçar os comerciantes colaboradores a escolher exclusivamente entre os mercados online do Alibaba e os de seus concorrentes para realizar a venda de produtos, o que sufoca o mercado justo.

Em um comunicado, o grupo afirmou que aceitou a pena: “Para cumprir sua responsabilidade para com a sociedade, o Alibaba operará conforme a lei com a máxima diligência, continuando a fortalecer seus sistemas de coesão e construindo o crescimento por meio da inovação.”

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.