Famílias chinesas compram mais eletrodomésticos inteligentes

Estima-se que até 2020 o mercado de aparelhos inteligentes tenha um faturamento de 162,7 bilhões de yuans no país

Os eletrodomésticos inteligentes e de qualidade estão conquistando cada vez mais famílias urbanas na China, se tornando presença constante em suas casas. Um exemplo disso está no fato de os robôs aspiradores terem sido um dos eletrodomésticos mais populares do país no ano passado, de acordo com uma pesquisa divulgada pelo Alibaba Group.

“Robô aspirador, máquina de lavar louça e smartTV estão na nossa lista de compras”, afirmou Liu Jie, que está decorando seu novo apartamento na província de Anhui. “Há uma gama de opções disponíveis no mercado. Esses produtos inteligentes ajudam-me a poupar tempo, proporcionando um estilo de vida mais moderno”.

Liu Mongbin, pai de Liu Jie, comentou que os eletrodomésticos favoritos do povo mudaram ao longo do tempo. “Os itens mais comprados entre os recém-casados na década de 1970 eram televisores, máquinas de lavar roupa e refrigeradores”. Com mais startups e a indústria de eletrodomésticos inteligentes em expansão, o consumo das pessoas é influenciado.

Entre 2017 e 2022, o mercado de aparelhos inteligentes da China deve crescer em uma média anual de 45,3%, sendo que até 2022 ele terá um faturamento de 162,7 bilhões de yuans (US$ 23,6 bilhões), de acordo com previsões da empresa de estatística da internet Statista.

“Esses eletrodomésticos podem ser realmente inteligentes e baratos”, disse Zhang Ning, de Hefei. “Meu assistente de voz de 89 yuans me ajuda a controlar o ar condicionado, a televisão e as lâmpadas da casa. Também reconhece minha voz e me ajuda a selecionar músicas, saber a temperatura e acertar meu despertador.”


Fonte: Xinhua

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.