Explorador chinês viaja mais de 345 m no lado oculto da Lua

O Yutu-2 teve a sua rota cuidadosamente planejada para garantir sua segurança e deverá continuar explorando o terreno lunar de forma lenta, porém constante

O Yutu-2, explorador lunar chinês que está no lado oculto da Lua desde 3 de janeiro, já viajou 345,059 m, realizando a exploração científica desse território até então desconhecido, pelo que informou o Centro de Exploração Lunar e o Programa Espacial da Administração Espacial Nacional da China. 

Devido ao ambiente geológico complicado e ao terreno irregular, os engenheiros espaciais tiveram que projetar a rota do Yutu-2 com muito cuidado, para garantir sua segurança. Segundo a administração, o explorador deverá continuar viajando no lado oculto da Lua de maneira lenta mas constante, com o objetivo de realizar mais descobertas científicas.

Um dia lunar é igual a 14 dias na Terra, sendo que a noite lunar tem a mesma duração. A sonda Chang’e-4 entra em modo de suspensão durante a noite lunar devido à falta de energia solar.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.