“Eu poderia ter feito um trabalho melhor”, diz chinês medalhista de bronze no skeleton

Yan Wengang foi responsável pela primeira medalha chinesa na modalidade

O chinês Yan Wengang disse que “poderia ter feito um trabalho melhor” na competição masculina de skeleton dos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim. O estreante levou bronze, a primeira medalha olímpica em qualquer modalidade de deslizamento para a China.

No entanto, o atleta de 24 anos disse, no domingo, que poderia ter evitado alguns pequenos erros durante suas quatro corridas no Centro Nacional de Deslizamento. “Conseguindo uma medalha de bronze, estou feliz e infeliz. Não acho que apresentei o melhor da minha capacidade”, disse Yan.

“Durante a competição, cometi grandes e pequenos erros, alguns dos quais nunca ocorreram durante os treinos. Conseguir um bronze em tais circunstâncias me fez feliz, mas sinto que poderia ter feito um trabalho melhor”, acrescentou. De acordo com o treinador da China, Andreas Schmid, Yan tem boas razões para se lamentar.

“Ouço que Yan disse agora que ele não estava feliz com seu desempenho porque ele poderia ter sido melhor – sim, isso é verdade. Uma medalha de ouro era possível com o desempenho que ele mostrou nos treinos”, disse Schmid.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.