Estudo chinês mostra que dose de reforço com vacina diferente aumenta eficácia

Pesquisa foi realizada com adultos que receberam CoronaVac e Convidecia

Créditos: Xinhua/Ren Chao

Um estudo chinês mostrou que usar uma vacina diferente como dose de reforço pode aumentar o efeito protetor contra o Covid-19.

Na pesquisa, adultos, que receberam duas doses da vacina inativada CoronaVac nos últimos três a seis meses, receberam a Convidecia, baseada em adenovírus tipo 5, ou uma terceira dose de CoronaVac.

O titulador médio geométrico pós-vacinação (GMT) é um parâmetro imunológico chave que expressa adequadamente a resposta de anticorpos após a vacinação. De acordo com o estudo publicado na revista Nature Medicine, o GMT de neutralizar o anticorpo contra SARS-CoV-2 foi de 197,4 depois que Convidecia foi dada como a dose de reforço, enquanto o GMT foi de 33,6 quando a terceira dose de CoronaVac foi dada.

Os pesquisadores disseram que os dados sugerem que uma dose de reforço heterólogo com a Convidecia após a vacinação inicial com CoronaVac é segura e mais eficaz do que um reforço homólogo.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.