Estados Unidos podem estar preparados para aumento do petróleo

Ajudas do governo durante a pandemia manterão padrão de gastos de famílias, segundo analistas

Créditos: Xinhua/Wang Ying

Os incentivos do governo americano, que ajudou família durante a pandemia causada pelo Covid-19, poderá limitar os danos causados pela crise entre a Rússia e a Ucrânia, segundo uma análise divulgada pela agência Reuters.

Mesmo com o aumento do petróleo, que irá refletir nas bombas de combustível do país americano, especialistas acreditam que a população conseguirá manter grande parte dos gastos esperados, bens e serviços, devido aos créditos de recuperação da crise sanitária, que totalizaram cerca de US$ 5 trilhões.

“A poupança das famílias pode ajudar os consumidores a manter os volumes de gastos diante dos aumentos de preços relacionados”, escreveu o economista da JPMorgan, Daniel Silver, segundo a publicação. As famílias “acumularam cerca de US$ 2,6 trilhões de ‘economia em excesso’ nos últimos anos em relação à tendência pré-pandemia, o que poderia ser suficiente para cobrir até mesmo um aumento de 50% nos preços do petróleo e do gás natural por muitos anos”, ele complementou.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.