Especialistas chineses, franceses e italianos exploram maior caverna da Ásia

A extensão da Caverna Shuanghe foi atualizada para 257,4 km e os pesquisadores analisaram os recursos hídricos e a biomassa subterrânea do local

Especialistas da China, França e Itália realizaram uma expedição de exploração na Caverna Shuanghe, a maior caverna da Ásia, localizada na cidade de Zunyi, na província de Guizhou. A extensão da caverna foi atualizada nessa nova expedição para 257,4 km, ante os 238 km registrados anteriormente.

A equipe, formada por 30 especialistas, passou 20 dias explorando a caverna. Eles acessaram 100 locais e exploraram os recursos hídricos e a biomassa subterrânea da caverna.

A caverna foi descoberta no final dá década de 1980 e, desde então, uma série de pesquisas em grande escala foram realizadas conjuntamente por especialistas chineses e estrangeiros. Foi apenas recentemente que Shuanghe passou a ser a mais extensa da Ásia e sexta maior do mundo, quando uma pesquisa revelou que seu comprimento havia superado o da caverna Clearwater, na Malásia.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.