Espaçonave de carga parte de módulo central da estação chinesa

Tianzhou-2 está em boas condições e retornará para a Terra

Créditos: Xinhua/Guo Zhongzheng

A nave de carga da China, Tianzhou-2, se separou do módulo central da estação espacial na tarde do domingo, anunciou a Agência Espacial Tripulada da China.

Às 15h59, no horário de Pequim, a Tianzhou-2 deixou o módulo central da estação Tiangong depois de completar todas as suas tarefas programadas, informou a agência.

Durante sua operação em órbita, a Tianzhou-2 realizou uma série de testes extensivos de aplicação. Atualmente, ela está em boas condições e entrará na atmosfera da Terra em um momento apropriado sob o controle terrestre, acrescentou a agência.

A Tianzhou-2 é a primeira nave de carga enviada ao espaço na fase de verificação de tecnologias-chave da estação espacial da China.

Carregando 6,8 toneladas de suprimentos para a estação espacial, a Tianzhou-2 foi lançada do Centro de Lançamentos Espaciais de Wenchang, na costa da Província de Hainan, no sul da China, em 29 de maio de 2021.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.