Escola chinesa de acrobacias oferece treinamento online para estrangeiros

Com participação de 10 especialistas, programa foi adaptado para estudantes do Laos e do Camboja

A Escola de Arte Acrobática de Wuqiao de Hebei, localizada no norte da China, realizou uma aula online para estagiários no exterior como parte de um programa de treinamento de três meses. O programa foi adaptado para estudantes do Laos e do Camboja e contará com a participação de mais de 10 especialistas em acrobacia.

Devido ao impacto da pandemia da Covid-19, tem sido difícil para as aulas de treinamento acrobático atenderem às demandas dos estagiários nos países em desenvolvimento, portanto, a instituição decidiu iniciar o treinamento online.

“O treinamento acrobático geralmente utiliza o ensino e a orientação presencial devido às altas exigências de movimentos físicos e detalhes envolvidos”, explicou Duan Yong, um funcionário da escola. Movimentos, como expressões faciais e oculares, são difíceis de observar durante vídeos online, e todo o processo precisa de explicação e orientação, por isso a escola adotou o modo de transmissão ao vivo, acrescentou Duan.

Durante as sessões, estudantes chineses qualificados demonstram ações padrão para múltiplas câmeras de alta definição, enquanto os professores fornecem orientação presencial.

A escola começou a recrutar estagiários estrangeiros em 2002 e mais de 500 pessoas de mais de 40 países participaram do treinamento até agora.

Wuqiao é considerado o berço da acrobacia chinesa e o estilo de performance pode ser traçado até cerca de 2 mil anos atrás, na Dinastia Han (202 A.C.-220 D.C.). Em 2006, a acrobacia Wuqiao foi listada como patrimônio cultural imaterial de nível estadual.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.