Empresas estrangeiras terão mais oportunidades na China, diz porta-voz

Nova fase de desenvolvimento chinês possibilitará mais espaço para companhias no país

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, afirmou nesta terça-feira que as empresas estrangeiras que investem na China terão mais oportunidades de cooperação e dividendos de desenvolvimento, já que o país está passando por uma abertura.

O presidente da Câmara de Comércio da União Europeia, Joerg Wuttke, disse recentemente que a Europa deve aprender com a China e que é importante para as companhias participarem do mercado chinês, pois a economia da nação asiática contribui com 30% do crescimento global todos os anos.

Segundo Zhao, a declaração revela uma visão otimista do desenvolvimento e a vontade de fortalecer a cooperação com o país. Ele também citou a última pesquisa da Câmara de Comércio da União Europeia na China, dizendo que 62% das empresas do bloco estão dispostas a aumentar seus investimentos na economia asiática.

Um relatório das Conferências das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento mostrou que a China se tornou o maior receptor de capital do mundo, após aumento de 4% em 2020.

O porta-voz concluiu afirmando que a nova fase de desenvolvimento do país permitirá um vínculo econômico mais estreito com o resto do mundo. Além disso, a conclusão das negociações com a União Europeia proporcionará mais oportunidades e criará novo espaço para a Europa e outras regiões cooperarem com a China.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.